Correios

Comunicação para integrar mais de 100 mil colaboradores

Integrar uma força de trabalho composta por mais de 100 mil pessoas. Valorizar a contribuição dos colaboradores para o sucesso empresarial. Criar laços de identificação com as famílias dos empregados. Oferecer informação objetiva e didática sobre transformações estruturais projetadas para a atuação da companhia.

Com essa missão, criamos e implementamos o maior canal de comunicação interna da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT), o jornal Correios do Brasil, entregue quinzenalmente na residência dos colaboradores, em todo o país.

Mais do que um simples veículo de comunicação, Correios do Brasil se tornou uma experiência única de mobilização interna, alcançando alto nível de retorno e participação dos leitores. Além da linguagem simples, objetiva e um projeto que lembrava os jornais de perfil popular, contribuíram para o êxito do jornal, com tiragem superior a 100 mil exemplares, diversas ações conduzidas pela Buscato:

  • A criação de um personagem como símbolo dos empregados dos Correios (o carteiro Jurandir), que passou a ser estrela de uma “tirinha” publicada pelo jornal em todas edições e de outras peças de comunicação interna.
  • A implementação como seção fixa do jornal o “Clube de Cartas”, por meio do qual colaboradores construíram uma rede de interação, afinidades e troca de experiências por meio da divulgação de endereço para a troca de correspondências (a redação recebia, em média, 100 mensagens semanais, vindas de todo o país, para inclusão dos autores no “clube”).
  • Publicação no jornal de “causos” enviados por colaboradores da empresa sobre situações vividas no trabalho. O jornal também acolheu um concurso nacional de “causos”, que resultou na publicação de um livro com as melhores histórias.
  • Criação de um suplemento especial voltado às famílias dos empregados (CEP – Caderno de Entretenimento e Passatempos), com curiosidades, prestação de serviços, atividades lúdicas e jogos.